quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Por que não emagreço?

Não me canso de me deparar com a seguinte situação no consultório: a pessoa come bem - em qualidade e quantidade -, muitas vezes até está comendo bem pouco ou menos do que deveria, não come "besteiras", "faz tudo direitinho" e não emagrece!
O que acontece? 
Se colocarmos muita pressão em qualquer coisa que fazemos, aquilo não dá certo! Não vai. Simples assim. Quer arrumar um emprego e coloca muita ansiedade nisso? Não dá certo, empaca. A mesma coisa acontece com o emagrecimento: faça a sua parte, sem perfeccionismo e relaxe, desapegue do resultado, pare de se pesar, pare de falar no assunto, de esperar pelos resultados! Desfrute do processo, afinal, a felicidade está no Agora, o resultado está no futuro, esqueça dele e, quando ele chegar, será o seu Agora, o momento que você tem que aproveitar. 
Já reparou que as pessoas magras comem "despreocupadamente", sem neuras? É a maneira COMO comemos que faz a diferença, mais do que O QUE comemos. Sim! 
Quanto mais ansiedade colocamos, mais impedimos que as coisas que queremos cheguem em nossa vida.  A sua felicidade não está no corpo mais magro ou com X quilos a menos. Está em ser você mesma, plena, autêntica. Você fica desejando as consequências de estar mais magra: poder usar a roupa que quer, ir à praia etc. Mas você já é livre para fazer isso agora, curar agora, porque é um processo interno, uma "chave" interna que você tem que girar lá dentro de você. Entende? Então, a alimentação só vai te ajudar se realmente internamente você SE PERMITIR emagrecer, se você acreditar que é possível e assim, desapegar do resultado. Sem ansiedade. E com amor por você mesma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário